Khvicha Kvaratskhelia

Khvicha Kvaratskhelia

Pais de nascimento: Tbilisi, Geórgia

Nacionalidade: Georgiana

Data de nascimento: 02/12/2001 (23 anos)

Pesos de cauda: 181/70

Clube: Seleção Napoli/Geórgia

Posição: Avançado

 

 

O jovem futebolista georgiano Khvicha Kvaratskhelia demonstrou o seu talento profissional desde o início da sua carreira profissional. Desde cedo demonstrou paixão pelo jogo, surpreendendo o público com seu conhecimento técnico, criatividade e capacidade de virar uma partida. A biografia de Kvaratskhelia foi marcada por constantes progressos ascendentes em sua carreira. Tendo alcançado sucesso no campeonato nacional da Geórgia. A capacidade de Kvaratskhelia de se adaptar facilmente a diferentes sistemas táticos e sua versatilidade em diversas posições de ataque foram fatores-chave para seu rápido crescimento em popularidade. Bem-vindo ao nosso fã site do jogador Khvicha Kvaratskhelia, onde você encontrará as últimas notícias sobre o jogador.

Biografia de um jogador de futebol juvenil

Khvicha Kvaratskhelia nasceu em 12 de fevereiro de 2001 na pitoresca cidade de Tbilisi, capital da Geórgia. Ele era o filho do meio de uma família de jogadores de futebol apaixonados e seu caminho para a grandeza foi traçado desde cedo. Vindo de uma família de esportistas, o irmão mais velho Khvichi inicialmente decidiu não seguir os passos de seu pai Badri. No entanto, o jovem Khvicha e seu irmão mais novo, Tornike, demonstraram desde cedo um grande interesse pelo belo jogo. À medida que crescia, Khvicha mergulhou no alegre caos dos jogos de rua, onde o seu talento natural e a sua determinação inabalável vieram à tona. Contra adversários mais velhos e experientes, o pequeno jovem destacou-se consistentemente, deixando os espectadores cativados pelo seu potencial bruto.

Infância e mãe de Khvicha Kvaratskhelia

Reconhecendo as incríveis habilidades de seu filho, Badri Kvaratskhelia tornou-se o mentor e força motriz de Khvicha, guiando-o durante seus anos de formação. Logo o jovem prodígio foi matriculado na prestigiada escola olímpica de futebol, mas logo suas habilidades chamaram a atenção do clube Avaza, onde começou a aprimorar suas habilidades. A ética de trabalho inabalável e a motivação incansável de Khvicha tornaram-se as marcas de seu desenvolvimento. Ele poderia ser encontrado no campo de treinamento do amanhecer ao anoitecer, tentando o seu melhor para liberar suas habilidades ao máximo. Esta dedicação não passou despercebida e o jovem rapidamente se viu atraído para o prestigiado sistema juvenil do Dínamo de Tbilisi. Ao longo desta jornada, Khvicha manteve um equilíbrio delicado, conciliando a sua florescente carreira no futebol com as exigências do seu ensino secundário. Sua capacidade de prosperar neste ambiente hostil apenas consolidou ainda mais seu status como uma estrela em ascensão destinada à grandeza dentro e fora do campo.

A infância de Khvicha Kvaratskhelia na academia de futebol juvenil

Carreira no clube Khvichi Kvaratskhelia

Embora o Dínamo esperasse continuar a cooperação com o jogador de futebol, ele decidiu seguir o conselho do seu agente e mudar-se para Rustavi, onde lhe foi prometido mais tempo de jogo. Lá ele foi notado pelo clube Lokomotiv Moscou, que imediatamente percebeu que, apesar da pouca idade, Khvicha poderia se tornar uma aquisição valiosa para a equipe. O técnico Yuri Semin compartilhou esta avaliação. Após consultar a família, o jogador decidiu se mudar para a Rússia, embora já tivesse recebido ofertas de clubes europeus. Mas Kvaratskhelia precisava ganhar mais experiência para alcançar novos patamares no futuro. O jogador foi emprestado gratuitamente e seu salário foi pago por seu agente. Khvicha estreou em campo com seu novo time em um amistoso contra o clube norueguês Viking. Aos 76 minutos de jogo, o meio-campista penetrou no gol adversário e abriu o placar com um chute forte para o gol usando sua assinatura e chuteiras tecnicamente confeccionadas.

No Campeonato Russo, o jogador também apresentou estatísticas impressionantes, registrando diversas assistências e um gol espetacular contra o Rubin em sete partidas que disputou na segunda metade da temporada. As suas atuações mostraram que tinha capacidade técnica para se tornar uma estrela, e a transferência para o Lokomotiv revelou-se uma decisão sábia que o colocou no caminho de um maior sucesso. Apesar da pouca idade, a tomada de decisão e a confiança de Khvicha ficaram evidentes na forma como geriu esta transferência. Em vez de correr para ingressar num grande clube europeu, decidiu ingressar no Lokomotiv, onde poderia continuar o seu desenvolvimento sob a orientação de um treinador tão experiente como Semin.

Ao final do contrato de arrendamento entre Rustavi e Lokomotiv, Khvicha Kvaratskhelia esperava que a administração de Moscou lhe oferecesse um contrato completo. Porém, as condições que garantiram um ano de trabalho não corresponderam às expectativas dos representantes do jovem médio. Ao ouvir isso, olheiros de outros clubes russos intervieram prontamente no processo. Em 6 de julho de 2019, Kvaratskhelia assinou contrato com o clube Kazan Rubin. Ao despedir-se do seu antigo treinador, Yuri Semin, não conseguiu conter as lágrimas, pois durante a sua passagem pelo Lokomotiv tornou-se bastante próximo do seu veterano mentor. Na nova equipe, o relacionamento de Kvaratskhelia com a comissão técnica acabou sendo mais complicado. Inicialmente, jogou sob a liderança de Roman Sharonov, que considerou que o jovem atleta ainda não estava pronto para ser titular na equipe, e o manteve no banco.

Khvicha Kvaratskhelia em Rubin Rússia
Khvicha Kvaratskhelia em Rubin, Rússia

Porém, tudo mudou com a chegada do experiente técnico Leonid Slutsky. Slutsky percebeu o enorme entusiasmo e determinação de Kvaratskhelia, a ponto de morar no campo de treinamento para evitar distrações, e decidiu dar ao jovem promissor a chance de mostrar seus talentos. Kvaratskhelia agarrou esta oportunidade com as duas mãos. No final da temporada 2019/20, foi reconhecido como o melhor jovem jogador da Premier League russa. A fé de Slutsky em Kvaratskhelia valeu a pena: as atuações do meio-campista georgiano naquele ano atraíram a atenção de vários clubes europeus importantes. Seu drible habilidoso, criatividade e habilidade de gol fizeram dele um dos jogadores de maior sucesso no futebol russo.

Em abril de 2021, o jogador Kvaratskhelia, enquanto jogava pelo Rubin Kazan, sofreu uma lesão no quadril que exigiu um período de reabilitação. Durante esse período, intensificaram-se os rumores sobre a iminente rescisão de seu contrato com o Rubin e uma possível mudança para outro clube. De acordo com relatos da mídia, representantes de vários gigantes europeus, incluindo AC Milan e Bayern de Munique, manifestaram grande interesse em adquirir o jovem talento georgiano. Na altura, o valor de mercado de Kvaratskhelia no mercado de transferências foi estimado em 15 milhões de euros, mas os especialistas previram que ele poderia obter um preço ainda mais elevado se fosse vendido. Apesar dos rumores que circulam, o jogador segue comprometido com o Rubin e não quer buscar mudanças até fevereiro de 2022. No entanto, quando a invasão russa da Ucrânia (referida como SVO) começou em Fevereiro de 2022, a situação em Kvaratskhelia mudou dramaticamente. Um nativo da Geórgia rapidamente fez as malas e deixou a base de treinamento do Rubin.

Khvicha Kvaratskhelia e Victor Osimhen em Nápoles
Khvicha Kvaratskhelia agora

Ao retornar à sua terra natal, Kvaratskhelia foi aceito pelo clube georgiano Dynamo Batumi, onde continuou a aprimorar suas habilidades. Poucos meses depois, o talentoso extremo mudou-se para o clube italiano Napoli, onde imediatamente se destacou. Em sua primeira partida contra o Hellas Verona, Kvaratskhelia demonstrou sua excepcional habilidade ofensiva, marcando um gol e deixando uma impressão duradoura tanto nos torcedores quanto nos especialistas. No final do verão, as atuações brilhantes de Kvaratskhelia valeram-lhe o reconhecimento como o melhor jogador do campeonato italiano, uma prova da sua rápida ascensão à fama. Curiosamente, o jogador ficou grato ao seu ex-fisioterapeuta José Carlos Molinos, que o apoiou durante a sua estadia no Rubin Kazan. Em sinal de gratidão, Kvaratskhelia chegou a contratar Molinos como seu personal trainer, demonstrando ainda mais os fortes laços que formou com as pessoas que o ajudaram ao longo de sua carreira.

Seleção georgiana

Paralelamente ao desenvolvimento da carreira no clube, o jogador de futebol jogou pela seleção da Geórgia, onde também conseguiu proporcionar um grande espetáculo de grandes jogos. Em outubro de 2020, marcou seu primeiro gol internacional contra a Macedônia do Norte, demonstrando sua tenacidade nos treinos e seu melhor desempenho pela Seleção Nacional. No entanto, o sucesso do jogador de futebol foi temporariamente interrompido quando contraiu o COVID-19 durante jogos internacionais em novembro de 2020. Teve de passar por um período de quarentena e auto-isolamento, que mais tarde recordou como uma experiência difícil, mas formativa.

Khvicha Kvaratskhelia na Seleção Francesa

Depois de passar pelas dificuldades que outros enfrentaram durante a pandemia, Khvicha decidiu usar a sua nova plataforma para fazer uma diferença positiva. Dedicou os seus recursos à prestação de assistência financeira a várias famílias georgianas necessitadas, um acto de compaixão por elas que lhe valeu a admiração e o respeito generalizados no seu país de origem. A confiança de Khvicha ficou ainda mais demonstrada quando ele foi nomeado Jogador de Futebol do Ano da Geórgia em 2020. Este prestigiado prémio foi uma prova do seu profissionalismo, bem como do seu forte carácter e desejo de inspirar outras pessoas.

Com base neste impulso, 2021 começou com uma nota alta para Kvaratskhelia. Em março, ele jogou pela Geórgia nas eliminatórias para a Copa do Mundo, marcando gols cruciais contra times fortes da Espanha e da Grécia.

Família, casamento, primeiro encontro com uma garota

Khvicha Kvaratskhelia, uma estrela em ascensão no mundo do futebol, há muito tempo é tão apaixonada pelo jogo que questões e fatos pessoais ficaram em segundo plano. Porém, tudo mudou quando ele iniciou um relacionamento com uma estudante de medicina quando deixou de ser solteiro. No outono de 2023, um evento alegre aconteceu na cidade de Mtskheta: Khvicha e sua amada Nina Tavadze trocaram votos, alianças e tornaram-se marido e mulher. Embora apenas familiares e amigos próximos tenham assistido à cerimónia, as notícias e fotos do evento rapidamente chegaram aos olhos do público, cativando fãs e meios de comunicação. A dedicação de Kvaratskhelia ao seu desporto só é igualada pelo seu amor pela sua terra natal, a Geórgia. Nas horas vagas, o jogador de futebol gosta de regressar às raízes viajando pelo país, que considera excepcionalmente belo. É aqui, entre as paisagens deslumbrantes e o abraço da família, que Khvicha encontra consolo e rejuvenescimento.

Khvicha Kvaratskhelia e Nina Tivadze

Com 1,83 cm de altura e pesando cerca de 70 kg, Khvicha Kvaratskhelia é um espécime físico, com sua destreza atlética complementada por movimentos graciosos em campo. À medida que ele continua a subir na elite do futebol, sua história cativou fãs ao redor do mundo todos os dias em cada partida.

Khvicha Kvaratskhelia atualmente

Kvaratskhelia tem grandes esperanças em sua próspera carreira no futebol. Desde muito jovem, o talentoso atleta georgiano passou a vida inteira apoiando o famoso time do Real Madrid, idolatrando craques como Cristiano Ronaldo, Lionel Messi e Neymar. E hoje, Khvic tem a oportunidade de potencialmente se juntar a esses jogadores lendários. Apesar do feito histórico do Nápoles na Primavera de 2023, que viu o clube italiano chegar aos quartos-de-final da UEFA Champions League pela primeira vez desde a época 2005/2006, o Kvaratskhelia tem sofrido recentemente com uma seca de golos, não tendo conseguido encontrar um defensor. rede por vários meses. Mesmo em um confronto de alto nível contra o Real Madrid, em outubro, o extremo mostrou seu talento criativo com alguns passes bem-sucedidos, mas acabou não conseguindo colocar seu nome na súmula.

Khvicha Kvaratskhelia e a Copa Napoli

No entanto, a paixão de Kvaratskhelia pelo desporto e a sua inegável capacidade inspiraram enorme optimismo entre os seus fãs, que acreditam que o jovem de 22 anos está preparado para causar um impacto significativo no cenário mundial num futuro próximo. Com um desejo de grandeza e um desejo ardente de imitar as conquistas dos seus ídolos, Kvaratskhelia está determinado a aproveitar o momento e consolidar o seu lugar como uma das estrelas em ascensão do jogo. Em 2024, o jogador de futebol joga pelo Napoli com as chuteiras profissionais, cujo clube o transferiu pela enorme soma de 10 milhões de euros. Neste clube ele mostra estatísticas muito boas.

Conquistas e troféus

  • 2017 — Vice-campeão da Geórgia
  • 2019 — Vencedor da Copa da Rússia
  • 2019/2020 — Melhor jovem jogador da Premier League Russa
  • 2020, 2021, 2022, 2023 – Jogador de Futebol do Ano na Geórgia
  • 2022/2023 – Campeão Italiano
Perguntas frequentes
Qual foi a última transferência de Khvichi Kvaratskhelia e seu custo?
Por quais clubes Khvicha Kvaratskhelia jogou anteriormente?
O que há de único no estilo de jogo de Khvicha Kvaratskhelia?
Khvich Kvaratskhelia tem apelido?
Quais são as conquistas de Khvich Kvaratskhelia?
Khvicha Kvaratskhelia